Articulações Políticas

Parcerias

Notícias

EXPLORAÇÃO SEXUAL É DEBATIDA NO MUNICÍPIO DE LAGOA DOS GATOS

DSC01968.jpg Adolescentes e jovens, de ambos os sexos, com idades de 17 a 22 anos, do município de Lagoa dos Gatos, no Agreste pernambucano, viveram uma tarde diferente no dia 21 de maio de 2010.
A equipe do Programa Observatório de Exploração Sexual, desenvolvido pelo Coletivo Mulher Vida (CMV), foi à cidade, que fica a 200 km de distância de Recife, para levar informações e estimular o debate a respeito da temática abordada pelo CMV, as violências doméstica, sexual e sexista. Na ocasião o foco da discussão foram o abuso e a exploração sexual de crianças e adolescentes.
Durante a tarde, foram desenvolvidas dinâmicas de aquecimento e estímulo ao debate. Os participantes apresentaram, através de tarjetas e cartazes, o que entendiam sobre violências sexual e a equipe ajudou no desenvolvimento das idéias e conceitos.
“Uma pessoa que sofre qualquer tipo de violência cria traumas e pode, depois, até reproduzir essas violências”, diz um participante, citando que a violência pode tornar-se um ciclo: um ciclo perigoso e triste.

VEJA, AQUI, ALGUNS CONCEITOS:
Violência Sexual: Todo ato ou jogo sexual, relação heterossexual ou homossexual entre um ou mais adultos (e/ou criança em fase de desenvolvimento assimétrico) a uma criança menor de 18 anos, tendo por finalidade estimular sexualmente a criança ou utilizá-la para obter uma estimulação sexual sobre sua pessoa ou de outra pessoa. Divide-se em:

Abuso: É a criança ou o adolescente ser usado para gratificação sexual de outra pessoa adulta ou em fase de desenvolvimento maior, baseado em uma relação de poder assimétrico. No abuso sexual, nenhuma das partes envolvidas almeja lucro financeiro e/ou material. O abuso sexual é praticado principalmente por pais, padrastos, tios e irmãos. A vítima pode ser tanto menino quanto menina.
Pedofilia: é a perversão sexual, na qual a atração sexual de um indivíduo adulto ou adolescente está dirigida primariamente para crianças pré-púberes (ou seja, antes da idade em que a criança entra na puberdade) ou para crianças em puberdade precoce. A pedofilia é classificada como uma desordem mental e de personalidade do adulto, e também como um desvio sexual, pela Organização Mundial de Saúde. (Fonte: www.wikipedia.org)

Exploração Sexual: É a inserção de crianças e adolescentes no mercado do sexo. A sexualidade infanto-juvenil vira mercadoria para a obtenção de lucro ou vantagens materiais e sociais. Apesar da exploração sexual, via de regra, acontecer fora do ambiente doméstico, em muitos casos, é estimulada ou omitida por pais, mães e responsáveis.
Existem diferentes formas de exploração sexual. São elas:
Prostituição: É o ato de engajar ou oferecer os serviços de uma criança ou adolescente para executar atos sexuais por dinheiro ou qualquer outro ganho para aquela pessoa ou outra qualquer.
Turismo Sexual: É o esquema de exploração sexual de crianças e adolescentes voltado para o turismo e com apelo sexual.
Tráfico de pessoas: É a comercialização de crianças e adolescentes para fins sexuais e comerciais entre países ou dentro do esmo país (de cidade a cidade e de áreas urbanas a rurais e vice-versa).
Pornografia: É qualquer material audiovisual ou fotográfico que veicule imagem de criança ou adolescente num contexto sexual.

Outras notícias