Articulações Políticas

Parcerias

Notícias

Campanha contra Trabalho Infantil começa hoje

DSC00534.jpg Começa hoje (10) a Campanha contra o Trabalho Infantil em todo país e o Coletivo Mulher Vida também está engajado nessa luta, participando da ação da Fundação Abrinq. A Campanha esse ano chama atenção da sociedade para duas das piores formas de trabalho infantil que podem se agravar durante os megaeventos: o urbano (venda de produtos; engraxate; flanelinha; etc) e a exploração sexual comercial.
A ideia da Campanha é para engajar-se, é uma foto segurando um cartaz com a frase “Trabalhar NÃO é coisa de criança” e postar no Instagram ou no Twitter (@FundacaoAbrinq) com a hashtag #NAOtrabalhoinfantil.
No Recife, o Centro Dom Helder Câmara de Estudos e Ação Social (Cendhec) lança a campanha Trabalho Infantil é um Jogo Sujo, com o intuito de chamar a atenção para a gravidade da situação do trabalho infantil em Pernambuco. O lançamento será feito a partir das 19h, com uma palestra que ocorre na escola estadual José Mariano, no bairro de Areias.
NÚMEROS SOBRE TRABALHO INFANTIL
Apesar dos avanços nas últimas décadas, desde 2005 houve uma desaceleração na redução do número de crianças e adolescentes em situação de trabalho irregular. Persistem justamente as formas mais difíceis de serem combatidas.
Segundo estatísticas, no Brasil existem mais de 3,4 milhões de crianças e adolescentes entre cinco e 17 anos que estão no trabalho infantil. Em Pernambuco, embora o trabalho infantil tenha diminuído, ainda existem mais de 170 mil crianças e adolescentes na mesma faixa etária, sendo exploradas em trabalhos domésticos, no comércio, nas casas de farinha, na agricultura e pecuária, nas feiras livres, na exploração sexual e em várias outras atividades.

*Com informações da Assessoria do CENDHEC e Fundação Abrinq

Outras notícias